8 dicas para captar clientes para o negócio

O que faz uma empresa alcançar o sucesso e conquistar a atenção dos seus clientes?
Não há receita mágica de bolo e as marcas mais importantes e bem sucedidas do mundo sabem muito bem disso. Mas o que elas têm em comum e que as tornam as melhores, é saber exatamente onde investir: nos seus clientes.

Empresas como a Apple, Facebook, Google e tantas outras são bem sucedidas porque sabem que os clientes têm as respostas para o seu sucesso. Por esse motivo investem na experiência do usuário, para que ele se apaixone não apenas por seus produtos e serviços, mas pelos valores da marca.

Em um ambiente corporativo e acirrado, captar clientes, fidelizar consumidores, despertar o desejo e entregar o conteúdo certo para o usuário ideal, são assuntos muito sérios e que consomem milhões, bilhões todos os anos, mas que injetam um retorno muito maior.

Expandir é um grande e importante passo, exige muita dedicação e uma estratégia altamente planejada, seja você a Apple ou o dono de um delivery que ainda está no início. O seu consumidor quer muito mais do que qualidade e preço justo, essas são obrigações diárias, seus clientes querem se sentir únicos e você precisa aprender a proporcionar uma experiência exclusiva.

Se você está crescendo e querendo atrair clientes novos, aumentar sua receita e escalar cada vez mais, continue lendo este artigo porque mesmo não existindo uma receita de bolo, temos um passo a passo que vai servir para nortear seu caminho e ajudar a entender melhor os desejos do seu público.

Entenda o mercado atual

Não há como expandir e construir conexões se você não sabe como a ferramenta do seu segmento está girando, conhecer o mercado é um primeiro passo bem básico, mas totalmente estratégico para que os próximos possam ser tomados com conhecimento e objetivo.

Quais são as tendências, principais notícias e os destaques quando se fala em criatividade, comunicação e inovação? Pesquise, faça contatos, esteja onde as informações de valor estão, construa um mapa de aprendizado e vá explorando novas áreas, conhecendo referências. Beba diretamente da fonte se for preciso.

Palestras, cursos, webinars ou até mesmo um bom bate papo, são verdadeiras minas de ouro para o seu negócio, pois te atualizam sobre o mercado e te ajudam com networking, que vamos combinar, faz toda a diferença em qualquer estágio.

O que o seu cliente precisa?

Saber o que o seu cliente quer, quando, onde, como e por que, tudo isso entregando muito valor e conexão. Difícil? Hoje em dia nem tanto. Existem uma porção de profissionais e softwares que fazem este serviço para você, entregando dados consistentes e atualizados sobre o seu negócio e os desejos da sua persona.

Por falar nisso, você sabe quem é a sua persona? Pois ela precisa estar muito bem definida, para garantir que sua estratégia seja precisa e atenda as necessidades de quem virá a consumir seu produto/serviço.

Feedbacks são excelentes para descobrir o que esperar e entregar. Não tenha medo de perguntar, de estar mais próximo do seu futuro cliente, seja no universo digital ou não. Nestes ambientes ele deixa claro frequentemente suas insatisfações, seus desejos e preferências, como por exemplo nas redes sociais.

Por isso é muito importante que a sua empresa esteja 100% conectada, criando novos vínculos, conversando, ouvindo e falando também, dando voz e personalidade a sua marca e atraindo pessoas que se sentem representadas por você, que compartilham dos mesmos valores.

Isso nos leva ao próximo passo:

Tenha valor e visão bem definidos

A personalidade de uma empresa diz muito sobre ela e também define clientes, conexões e concorrentes. Toda a comunicação da empresa é movida por seus valores e sua visão de mundo, para falar a mesma língua que o seu público é preciso se expor sim, assumir uma identidade, uma voz e construir um bate papo leve e interessante com o público.

Essa segmentação vai facilitar a atração e captação de clientes, direcionando apenas leads qualificados para sua empresa, evitando uma falha na comunicação e alimentando relacionamentos duradouros.

Aprenda com seus concorrentes

Não é copiar, é aprender!
O que está sendo feito, mas não gera resultados? Que ponto forte o cliente tem, mas não está sendo explorado? Quais possíveis investimentos podem ser feitos com base em gargalos dos seus concorrentes?

Respondendo essas e outras perguntas, seu negócio passa a frente de muitos outros e assume uma posição de autoridade para com seus clientes.

Outbound e Inbound

Ir atrás de futuros clientes é importante, mas atraí-los até você é melhor ainda, não acha?
Com uma boa estratégia inbound e outbound você vai ter o melhor dos dois mundos.

Outbound é conhecido como marketing tradicional, pois tem como objetivo trazer clientes por meio da oferta de seus produtos e serviços, captar clientes de forma ativa. 

Já o Inbound é o marketing de atração, o desejo dos gestores. Uma estratégia muito bem planejada e desenvolvida que fará o seu futuro cliente chegar até você, muitas vezes pronto para a conversão.

O ideal é utilizar um pouco dos dois planos, ser on e off, para manter sua captação de clientes em um fluxo intenso e fortalecendo a comunicação através de diversos canais.

Promotores da marca

O boca a boca, as indicações e avaliações são sempre uma excelente fonte para prospecção e merecem um planejamento específico, pensado para nutri-los e mantê-los, pois são eles que fazem a reputação da sua empresa e sua expansão depende muito de boas avaliações e preciosas indicações.

E por aqui tem de tudo, mimos, uma comunicação rica, contatos mais próximos e personalizados e até premiações, use a imaginação e surpreenda até mesmo aqueles que já são clientes.

Faça boas parcerias

As parcerias têm um papel muito importante na captação de clientes, turbinando os resultados da sua empresa e possivelmente reduzindo custos CAC (custo de aquisição por cliente) o que faz uma grande diferença para seu negócio.

Desenvolva uma lista de possíveis parceiros valiosos para sua empresa e comece a se conectar, fazendo networking, propondo trocas inteligentes.

Analise os resultados para redirecionar

Ao final de todos os processos e etapas você precisa parar para analisar os resultados e definir mudanças, investimentos e contabilizar possíveis lucros e prejuízos.
O que não está funcionando? Quais planos precisam de ajustes e merecem mais investimentos para continuar?

Só com essa análise será possível encontrar um plano eficiente e lucrativo para sua empresa, afinal todo planejamento é personalizado e adaptado às necessidades da empresa, levando em consideração muitos fatores.

Depois desse passo a passo tenho certeza que sua empresa vai conseguir captar clientes qualificados e expandir da forma certa, levando em consideração o mais importante para um negócio: a melhor experiência para o cliente.

Gostou do artigo? Acompanhe os conteúdos da Novus também nas redes sociais e aproveite todos os conteúdos que temos por aqui para colocar as mudanças em prática na sua empresa.

Gostou dessa Publicação?

Compartilhar no facebook
Compartilhe no Facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhe no Twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhe no Linkdin
Compartilhar no pinterest
Compartilhe no Pinterest

Deixe um comentário